Por que o Movimento Cultural das Periferias rachou com a Secretaria de Cultura de São Paulo?

“A periferia não cabe no plano de ação da Secretaria Municipal de Cultura”.

Dez anos depois, Casa de Cultura de Parelheiros finalmente é inaugurada

Construído em 2009 pela Prefeitura de São Paulo, prédio destinado à cultura abrigava conselho tutelar. Coletivos culturais comemoram vitória em luta histórica

Cultura estrangulada

Da falta de espaços culturais na quebrada à criminalização do funk, o poder público corta dinheiro da cultura e tira o direito de milhões de pessoas se expressarem ou consumirem arte

“Não vão quebrar nossa cara”: 30 horas de uma ocupação histórica pela cultura

Depois de quase socar trabalhador, André Sturm continua agarrado ao cargo de secretário municipal de Cultura. Ameaçados pela Prefeitura, quem ocupava Galeria Olido deixa o prédio de cabeça erguida ainda mais fortes

“Cabô a molecagem”: Por cabeça de Sturm, movimentos ocupam Secretaria de Cultura

Ocupação acontece dois dias após o secretário na gestão de João Dória ameaçar “quebrar cara” de agente cultural; SMC alegou invasão violenta, enquanto enviado pelo prefeito reconhece legitimidade do movimento

“Vou quebrar sua cara”, diz secretário de Cultura de Dória a agente cultural da Zona Leste

“O prefeito foi eleito e você não”. “Você é um chato”. “Cabô a molecagem”. Ouça os argumentos de André Sturm ao ser questionado sobre investimentos em Cultura na periferia da cidade de São Paulo

Descongela!: A resistência das quebradas ao “desmonte” da Cultura em SP

Reunidos no Galpão Cultural da Cia Humbalada de Teatro, no Grajaú, artistas de diferentes pontos da cidade analisaram o cenário atual

Prefeitura cancela contratação de arte-educadores, prejudica 8 mil crianças e adolescentes e artistas denunciam “desmonte” da Cultura

Enquanto lança novos editais e programas, Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo segue com 43,5% da verba congelada. Programas são afetados e artistas resistem ao desmonte de políticas públicas

Edital seleciona 70 agentes de cultura nas quebradas; saiba como participar

Candidatos selecionados vão receber R$ 1.000 por mês durante um ano para executar ações culturais. Formações tiram dúvidas de quem tem interesse em se inscrever

Vitória histórica: Haddad sanciona Lei de Fomento às Periferias; edital sai em agosto

Foram mais de três anos de luta: o Programa, que teve orçamento reduzido para R$ 9 milhões, vai destinar de R$ 100 mil a R$ 300 mil a coletivos culturais das quebradas de São Paulo

× Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: