Descongela!: A resistência das quebradas ao “desmonte” da Cultura em SP Reunidos no Galpão Cultural da Cia Humbalada de Teatro, no Grajaú, artistas de diferentes pontos da cidade analisaram o cenário atual

Reunidos no Galpão Cultural da Cia Humbalada de Teatro, no Grajaú, artistas de diferentes pontos da cidade analisaram o cenário atual

Artistas lançam documentário e revista sobre espetáculo “Grajaú Contra Dandaras, Grajaú Contra Zumbis” O Galpão Cultural Humbalada estará em festa com o fim do ciclo do espetáculo que rodou São Paulo em 2016 e 2017

No sábado, 18 de março, acontece o lançamento do documentário “Grajaú Contra Dandaras, Grajaú Contra Zumbis”, sobre o espetáculo da Cia Humbalada de Teatro

Greve Geral: Grajaú para contra a “Reforma” da Previdência No Dia Nacional de Paralisação e Mobilização, grupo de moradores do Extremo Sul de São Paulo faz ato para denunciar o fim da aposentadoria

Foto: Thiago Borges / Periferia em Movimento

No Dia Nacional de Paralisação e Mobilização, grupo de moradores do Extremo Sul de São Paulo faz ato para denunciar o fim da aposentadoria

“Nóis por Nóis”: segunda edição do evento reúne sambistas e propõe consumo de arte do Grajaú Além de conscientizar e promover o acesso à informação, a proposta é gerar renda aos artistas locais com a venda de produtos diretamente ao público

Além de conscientizar e promover o acesso à informação, a proposta é gerar renda aos artistas locais com a venda de produtos diretamente ao público

#8M Nas Quebradas | Veja onde tem marchas nas Periferias de São Paulo Em Parelheiros, no Grajaú e no Jardim Ângela, as mulheres da Sul estarão em marcha por seus direitos

Amanhã, 8 de março, é o Dia Internacional da Mulher. Mulheres do mundo todo estarão em marcha, e nas periferias não seria diferente. Selecionamos nessa publicação os eventos de marchas que irão acontecer nas periferias. Confira! 8 de Março nas Quebradas (Jd. Ângela, Piraporinha e Capão): Das 08h às 11h no Terminal Jardim Angela pausaContinue lendo #8M Nas Quebradas | Veja onde tem marchas nas Periferias de São Paulo Em Parelheiros, no Grajaú e no Jardim Ângela, as mulheres da Sul estarão em marcha por seus direitos

Inscreva-se: oficina de jornalismo e direitos humanos para professores e educadores Projeto "Repórter da Quebrada", do Periferia em Movimento, promove atividade gratuita nos dias 18 de março e 01 de abril no Extremo Sul. Saiba como participar

Projeto “Repórter da Quebrada”, do Periferia em Movimento, promove atividade gratuita nos dias 18 de março e 01 de abril no Extremo Sul. Saiba como participar

Novos talentos do Grajaú lançam single em baile black Neste sábado (25/02), o coletivo Graja Groove promove uma festa para o lançamento do single “Me leva pro baile”, interpretada por talentos do Grajaú: Denise Alves, Tigone e L.Freitas

Neste sábado (25/02), o coletivo Graja Groove promove uma festa para o lançamento do single “Me leva pro baile”, interpretada por talentos do Grajaú: Denise Alves, Tigone e L.Freitas

Carnaval da Quebrada: diversão sem deixar de lado a luta por direitos Conversamos com quem tá organizando blocos que desfilam no Extremo Sul de São Paulo. Confira também uma seleção de percursos para colocar seu bloco na rua!

Conversamos com quem tá organizando blocos que desfilam no Extremo Sul de São Paulo. Confira também uma seleção de percursos para colocar seu bloco na rua!

Criolo, pop-art e cebola empanada na hamburgueria mais autêntica do Grajaú Na estreia da seção Prato Firmeza no Periferia em Movimento, apresentamos Pantcho’s House Burguer - iniciativa de um casal do Extremo Sul que faz referência à família e ao território no negócio

Na estreia da seção Prato Firmeza no Periferia em Movimento, apresentamos Pantcho’s House Burguer – iniciativa de um casal do Extremo Sul que faz referência à família e ao território no negócio

Em meio à “guerra do pixo”, exposição no Grajaú propõe discussão sobre “Desvio para o Cinza” Com o propósito de reunir artistas que vivem e desafiam a atmosfera cinza da cidade de São Paulo, a exposição traz pinturas, fotografias e objetos de cor cinza em referência ao processo de anos, como o combate a manifestações artísticas e falta de fomento a políticas públicas.

Com o propósito de reunir artistas que vivem e desafiam a atmosfera cinza da cidade de São Paulo, a exposição traz pinturas, fotografias e objetos de cor cinza em referência ao processo de anos, como o combate a manifestações artísticas e falta de fomento a políticas públicas.