Mapa da Folia: 47 blocos de Carnaval da ponte pra cá

Programe-se pra curtir a cidade a partir das margens

Quebra das Ideias: Dos povos das florestas às periferias urbanas, como construir perspectivas de futuro em um cenário de aparentes escombros?

O que esperar de 2020 – Com Olívio Jekupé, da aldeia guarani Krukutu, e Glória Maria, de Paraisópolis

Matriarcas: Célia Marina resgatou a identidade negra e fez a cabeça de uma quebrada inteira

Texto por Thiago Borges. Idealização, pesquisa e reportagem por Lucimeire Juventino. Roteiro: Thiago Borges. Edição de vídeo por Pedro Ariel Salvador Cabelos soltos, trançados, com dreads, estilizados… A identidade negra está presente nas ruas do Grajaú, o segundo distrito com maior percentual de população negra da cidade de São Paulo (56,8%, de acordo com o […]

Dos brechós às marcas locais, quebrada reinventa moda e hábitos de consumo

Confira a reportagem especial

Marchas por direitos e eventos culturais marcam semana da Consciência Negra

Nos dias 20 e 24 acontecem manifestações. Confira!

Com 11 atrações, Noite dos Tambores celebra presença, resistência e memória da diáspora africana

Desde 2011, o M’Boi Mirim se transforma no palco de um encontro internacional de música que reúne uma amostragem significativa da diversidade rítmica e percussiva do Brasil e do mundo. É a Noite dos Tambores, que celebra a presença a resistência e a memória afrodiaspórica no País. O evento aglutina pesquisadores, músicos e construtores de […]

Aos 55 anos, morre o educador José Soró

Confira na reportagem do Alma Preta

A cura vem do mar

Crítica do espetáculo “Kalunga Grande” feita por Nayla Aauri

“Meu nome é Correria”: da luta por direitos à geração de renda, articuladores fomentam redes periféricas

Trabalhadores, militantes, educadores, artistas, empreendedores… Muitas palavras cabem na definição do que fazem os personagens acima. Mas a mais certeira é a de “articulador”, central para transformar a realidade.

Pagode da 27: o samba resiste há 14 anos nas ruas do Grajaú

Texto e fotos por Carolina Messias Início dos anos 2000. Um grupo de amigos saía de rolê aos fins de semana, mas não se identificava com as músicas que tocavam nos espaços. Foi aí que essa rapa começou a se reunir para tocar e explorar o universo do samba tradicional. Assim nasceu o Pagode da […]

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: