A periferia segue (R)existindo | Com vocês o Perifraseando! Coletivo Midiativista do extremo sul é indicadx da semana no #PEMIndica

Conheça o Perifraseando, coletivo que no dia 29 de abril promove o evento “Periferia (R)existe”!

Oficinas de Dança Negra e Contemporânea com Débora Marçal Coletivo Ajayô promove oficinas para difundir as manifestações e os valores da cultura afro-ameríndia

Ajayô Samba do Monte promove oficinas para difundir as manifestações e os valores da cultura afro-ameríndia

Em 2017, a PM enquadrou 2,5 mil pessoas por dia. Mas será que é isso mesmo? Dados obtidos pelo Periferia em Movimento por meio da Lei de Acesso à Informação mostram redução de abordagens em comparação a 2015; especialistas e militantes contestam metodologia da Polícia

Dados obtidos pelo Periferia em Movimento por meio da Lei de Acesso à Informação mostram redução de abordagens em comparação a 2015; especialistas e militantes contestam metodologia da Polícia

No Grajaú, reunião aberta discutirá saúde mental e qualidade de vida O encontro será no armazém cultural e esportivo do Grajaú, no próximo domingo

Grupo se reunirá para falar de saúde mental e emocional no Grajaú

O objetivo do meu rap: entrar na sua cabeça, ir mais além do que os cap! Henrique Madeiros, rapper do grajaú, chega para estremecer a consciência da galera

Mais uma sexta chegando, e outra indicação nossa também! Hoje vamos indicar o artista Henrique Madeiros, nascido e criado no Grajaú, mais precisamente Jd. Sete de Setembro. Henrique começou a fazer rap em 2016 com apenas 16 anos e gravou sua primeira participação em uma música chamada “Não Desista” a convite do Lipão 28: SegundoContinue lendo O objetivo do meu rap: entrar na sua cabeça, ir mais além do que os cap! Henrique Madeiros, rapper do grajaú, chega para estremecer a consciência da galera

Limbo: Violência em relacionamentos adolescentes A "epidemia oculta" dos relacionamentos abusivos é tema de reportagem premiada do Prêmio Jovem Jornalista 2017

“Limbo” é uma reportagem produzida no Prêmio Jovem Jornalista, sobre relacionamentos abusivos na adolescência

Escambos periféricos: do Extremo Sul de SP ao Complexo do Alemão, no Rio Em agosto de 2017, o Periferia em Movimento colou em favelas cariocas pra trocar uma ideia sobre comunicação, periferias e garantia de direitos com coletivos de lá

Em agosto de 2017, o Periferia em Movimento colou em favelas cariocas pra trocar uma ideia sobre comunicação, periferias e garantia de direitos com coletivos de lá

E agora, tchê? Reportagem de jovens jornalistas mostra machismo no tradicionalismo gaúcho A produção foi uma das vencedoras do Prêmio Jovem jornalista, representando o Sul do país

“E agora, tchê?” é uma das reportagens vencedoras, no sul do país, do Prêmio Jovem Jornalista de 2017.

#Retrospectiva2017: Que a gente seja nossa própria mídia! No Periferia em Movimento seguimos avançando com outros coletivos para combater a concentração da mídia

No Periferia em Movimento seguimos avançando com outros coletivos para combater a concentração da mídia

#Retrospectiva2017: Ocupar e resistir pelo direito à cidade No ano em que a cidade de São Paulo passou para o comando do “gestor” João Doria, algumas coisas continuaram iguais – ou mudaram para pior

No ano em que a cidade de São Paulo passou para o comando do “gestor” João Doria, algumas coisas continuaram iguais – ou mudaram para pior