“Ficou grávida porque quis”: depois de tanto ouvir isso, mães solo mandam a real sobre padecer “no paraíso” Documentário "Eu Quero Ouvir Maria" conta histórias de mulheres periféricas que cuidam sozinhas dos filhos, apesar das críticas de uma sociedade patriarcal que isenta os pais de suas responsabilidades

Documentário “Eu Quero Ouvir Maria” conta histórias de mulheres periféricas que cuidam sozinhas dos filhos, apesar das críticas de uma sociedade patriarcal que isenta os pais de suas responsabilidades

Mais de 60% dos presos do Brasil são negros: campanha debate racismo e seletividade penal CEDECA Interlagos recebe debate promovido pela campanha #30DiasPorRafaelBraga, que denuncia o racismo estatal a partir do caso da única pessoa detida no período dos protestos de junho de 2013 que foi condenada

CEDECA Interlagos recebe debate promovido pela campanha #30DiasPorRafaelBraga, que denuncia o racismo estatal a partir do caso da única pessoa detida no período dos protestos de junho de 2013 que foi condenada

No Grajaú, coletivos se organizam em rede para desenvolvimento econômico local Com foco na economia solidária, evento "Nóis por Nóis" busca fortalecer trabalho de artistas e empreendedores do Extremo Sul

Com foco na economia solidária, evento “Nóis por Nóis” busca fortalecer trabalho de artistas e empreendedores do Extremo Sul

Nóis por Nóis apresenta: “Vozes do Grajaú” A terceira edição do evento acontece neste domingo, 11 de junho, com atividades durante todo o dia

O Projeto tem o intuito de fortalecer a economia local de forma solidária, potencializando a cultura, arte e gastronomia da região.

Genocídio nas Américas: de um país a outro, vítimas do estado têm mesma cor e endereço

No continente americano, que concentra 43 das 50 cidades com as mais altas taxas de homicídios do mundo, as vítimas não têm apenas pouca idade: são em sua maioria descendentes de povos indígenas nativos e de africanos raptados e escravizados por europeus.

Seminário discute Juventudes e Vulnerabilidades Durante três dias, as discussões devem servir de base para construir o Observatório de Proteção e Resistência Contra o Genocídio

Nessa quarta, quinta e sexta-feira (07, 08 e 09 de junho), acontece o I Seminário Internacional Juventudes e Vulnerabilidades: homicídios, encarceramento e preconceitos.

Abraço Guarapiranga alerta: água não é mercadoria Edição que acontece neste domingo (04 de junho) no Jardim Ângela e na Capela do Socorro chama atenção para a responsabilidade dos governos em garantir o acesso a um bem essencial para a vida

Edição que acontece neste domingo (04 de junho) no Jardim Ângela e na Capela do Socorro chama atenção para a responsabilidade dos governos em garantir o acesso a um bem essencial para a vida

“Não vão quebrar nossa cara”: 30 horas de uma ocupação histórica pela cultura Depois de quase socar trabalhador, André Sturm continua agarrado ao cargo de secretário municipal de Cultura. Dória continua dizendo que foi "bobagem". Ameaçados pela Prefeitura, trabalhadores e trabalhadoras que ocupavam gabinete na Galeria Olido deixaram prédio ainda mais fortes

Depois de quase socar trabalhador, André Sturm continua agarrado ao cargo de secretário municipal de Cultura. Ameaçados pela Prefeitura, quem ocupava Galeria Olido deixa o prédio de cabeça erguida ainda mais fortes

Restaurante da Camila: comida caseira boa e barata com uma história de superação por trás do tempero Guerreira, Camila abriu o próprio restaurante no Campo Limpo para poder estar perto do seu filho

Nessa edição do Prato Firmeza: O Guia Gastronômico das Quebradas, você conhece um restaurante no Campo Limpo que serve self-service a um preço firmeza, onde a comida é temperada com muito amor.

“Cabô a molecagem”: Por cabeça de Sturm, movimentos ocupam Secretaria de Cultura Ocupação acontece dois dias após o secretário na gestão de João Dória ameaçar "quebrar cara" de agente cultural; SMC alegou invasão violenta, enquanto enviado pelo prefeito reconhece legitimidade do movimento

Ocupação acontece dois dias após o secretário na gestão de João Dória ameaçar “quebrar cara” de agente cultural; SMC alegou invasão violenta, enquanto enviado pelo prefeito reconhece legitimidade do movimento