Rotina coletiva: e se você não precisasse atravessar a cidade todo dia? Quem vive em São Paulo passa em média 3 horas por dia no transporte público. Isso poderia ser diferente se houvesse uma política de desenvolvimento econômico das periferias

Quem vive em São Paulo passa em média 3 horas por dia no transporte público. Isso poderia ser diferente se houvesse uma política de desenvolvimento econômico das periferias

Primeiro Sarau de Cordas de 2018 será neste sábado, 20 de janeiro Evento na Ilha do Bororé, com moda de viola, sertanejo raiz, alimentos da região, artesanatos e espaço para crianças

O Sarau de Cordas dá as boas vindas a 2018 com poesia, música, arte local e resistência

Orgânicos pra quebrada: no Extremo Sul, agricultores se juntam para vender comida sem veneno Com dezenas de produtores de orgânicos, região exporta alimentos para outras partes de São Paulo mas vende pouco localmente. Para reverter isso, eles propõem criação de grupo da “comunidade que sustenta a agricultura”

Foto: Thiago Borges / Periferia em Movimento

Com dezenas de produtores de orgânicos, região exporta alimentos para outras partes de São Paulo mas vende pouco localmente. Para reverter isso, eles propõem criação de grupo da “comunidade que sustenta a agricultura”

Permacultura na periferia: você sabe o que é isso? No final de semana, rede #PermaPerifa realiza encontro na Ilha do Bororé e apresenta possibilidades de atuação

No final de semana, rede #PermaPerifa realiza encontro na Ilha do Bororé e apresenta possibilidades de atuação.

É o clima: O que as quebradas e aldeias têm a ver com a COP 21?

(Foto: Paulo Pereira)

A partir da próxima segunda (30), representantes de governos e da sociedade civil de países de todo o mundo se encontram em Paris para discutir ações para frear as mudanças climáticas no planeta durante a 21ª Conferência do Clima ( COP 21 ) das Nações Unidas. Tá, e daí? E daí, que os principais prejudicadosContinue lendo É o clima: O que as quebradas e aldeias têm a ver com a COP 21?