Escola com nome de ídolo corintiano realiza Mostra Cultural Território do Povo

Escola com nome de ídolo corintiano realiza Mostra Cultural Território do Povo

Periferia em Movimento

Periferia em Movimento

A EMEF Dr. Sócrates Brasileiro, localizada no Campo Limpo, promove espetáculos teatrais e show durante o mês de junho. Confira a programação

Começou na última terça-feira (31 de maio) e se estende ao longo do mês de junho, sempre às 20h das terças, a primeira Mostra Cultural Território do Povo, realizada pela Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Dr. Sócrates Brasileiro.
O primeiro espetáculo apresentado foi “O que não fazer?”, com o Núcleo Vermelho (veja foto em destaque). Nesta terça (dia 07 de junho), a Trupe da Lona Preta apresenta “O concerto da lona preta”. Dia 14, é a vez do Grupo Teatral Parlendas com a peça “Marruá”. A Brava Companhia apresenta “Corinthians, meu amor” no dia 21. E, para encerrar, tem show de reggae, ‘ruídos’ e dubs com o bando Comuns Balidos no dia 28. A entrada para todos os espetáculos é gratuita.
Democracia
A Mostra Cultural é uma ação político-pedagógica do coletivo Território do Povo, do qual o Conselho de Escola e outros parceiros do território participam em prol da luta pela construção de um Galpão de Cultura num terreno público baldio ao lado da escola e por fomento a cultura, esporte  educação na região para combater violências e violações de direitos de crianças e adolescentes.
“Os espetáculos dialogam com o currículo crítico em ação defendido pela escola, com a concepção de gestão democrática e participativa, incluindo uma visão territorial de construção do conhecimento e da qualidade”, explica a diretora Solange Amorim.
Aberta em 2009, a escola localizada no Jardim Catanduva era denominada EMEF Campo Limpo I e o novo nome foi escolhido a partir de várias atividades interdisciplinares, com participação de pais, alunos e professores. Sócrates Brasileiro Sampaio de Souza Vieira de Oliveira foi então escolhido por sua atuação como esportista, como médico e, principalmente como defensor da democracia.
O homenageado, que morreu em 2011 aos 57 anos, é considerado um dos maiores jogadores do futebol brasileiro e é conhecido também por sua atuação política, por ter liderado a Democracia Corinthiana, que reivindicava aos jogadores mais liberdade e mais influência nas decisões administrativas do clube, e por ter participado do movimento Diretas Já!
 

Autor

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Comente usando o facebook

Nosso manifesto:

Nossas redes sociais:

Notícias recentes:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Confira também

Posts relacionados:

1 mês de aulas presenciais: Novas dificuldades se somam a problemas pré-pandemia, denuncia coletivo de educação da periferia

Infraestrutura precarizada, salas lotadas e falta de pessoal suficiente para trabalhar já eram problemas vividos no dia a dia da escola pública antes da pandemia de coronavírus. E com a volta às aulas totalmente presenciais, em fevereiro, o desafio ganhou uma nova camada de dificuldades com a necessidade de readaptação de estudantes, a defasagem na aprendizagem e os cuidados extras pra evitar a contaminação

Apoie!
Skip to content