Coletivo documenta atividades do “Encontro Estéticas das Periferias”

O CAP – Coletivos Culturais de Cidade Ademar e Pedreira realizou diversas atividades dentro da programação da terceira edição do Encontro Estéticas das Periferias, realizado no final de agosto. Com oficinas, cortejos e debate, a programação na Zona Sul foi intensa e diversificada.

 

Confira a cobertura

Oficina de Introdução à Linguagem Audiovisual, com o CCCT – Coletivo de Cinema Caco de Tela
A oficina fez uma introdução ao audiovisual, com exercícios práticos de câmera, além de breve introdução teórica. Os participantes desenvolveram um pequeno roteiro que foi captado dentro da própria Favela da Fumaça, editado e exibido para os moradores ao final da atividade. Veja o vídeo:

 

Oficina de Máscaras
Realizada pela Cia Ateliê das Artes na Casa de Cultura e Cidadania Guacuri, a oficina introduziu os participantes na história das máscaras, a partir de seu processo de desenvolvimento e dos materiais que se utiliza para fazê-las. Cada participante teve a oportunidade de montar sua própria máscara, sendo a pintura, formato e expressões totalmente livres. Veja o vídeo:

 

Cortejos:  Maracagueto, Batuque Abayomi e Caracaxá
Nascido em 2005, o grupo Maracagueto é formado por artistas de Diadema e da Grande São Paulo que apresentam ritmos, danças e personagens das manifestações da cultura popular. O Batuque Abayomi é um grupo de mulheres de diferentes idades, nascido de uma oficina de batucada. O nome Abayomi é uma palavra yorubá da língua africana que significa ‘encontro precioso’ e ‘aquele que traz a felicidade’. Já a Cia Caracaxá brinca com o Maracatu de Baque Virado e se formou no final de 2003.

O CAP também produziu uma cobertura audiovisual do encerramento do Estéticas das Periferias 2014:

 

Cobertura Colaborativa Estéticas