Ajayô Samba do Monte celebra Primavera neste domingo,24, com festa A festa da nova estação terá diversas atrações, ao som do Maracatu e da Roda de Samba

A festa será em saudação aos orixás Omolú e Iroko, em homenagem à velha guarda da Escola de Samba Unidos da Vila Maria.

Espetáculo traça paralelo entre orixás, negação do racismo e vivências dos próprios artistas Inspirado no livro homônimo de Frantz Fanon, a companhia de dança negra Treme Terra volta aos palcos com o espetáculo “Pele Negra, Máscaras Brancas”

Espetáculo traça paralelo entre orixás, negação do racismo e vivências dos próprios artistas Inspirado no livro homônimo de Frantz Fanon, a companhia de dança negra Treme Terra volta aos palcos com o espetáculo “Pele Negra, Máscaras Brancas”.

Inspirado no livro homônimo de Frantz Fanon, a companhia de dança negra Treme Terra volta aos palcos com o espetáculo “Pele Negra, Máscaras Brancas”.

Terreiro de candomblé promove 10º Encontro da Pessoa Negra de Parelheiros Conhecido pelo trabalho sociocultural, o Asé Ylê do Hozoouane propõe um domingo com atrações artísticas e concurso de beleza negra com objetivo de combater o racismo, enaltecer a a cultura e a identidade afro-brasileiras e promover a valorização pessoal dos candidatos

Conhecido pelo trabalho sociocultural, o Asé Ylê do Hozoouane propõe um domingo com atrações artísticas e concurso de beleza negra com objetivo de combater o racismo, enaltecer a a cultura e a identidade afro-brasileiras e promover a valorização pessoal dos candidatos

#Memória2015: Dos quilombos às quebradas, cultura e identidade mais fortes

(foto: Divulgação/Percubeat)

2015 foi o ano de conhecer e fortalecer ainda mais as manifestações culturais marginais e periféricas, expressões nossas e para nós, sobre nossas raízes e identidade.

Dos orixás às lavadeiras, a música de resistência mantém vivos os nossos ancestrais

Música de resistência: em memória dos ancestrais em um processo histórico protagonizado pelas elites brancas e que excluiu matrizes africanas e indígenas

“Massa Revoltante”: workshops, performances e ensaios sobre música de protesto entre os dias 07 e 12 de junho

Com a música de protesto e a cultura de resistência como tema central, o Goethe-Institut realiza o “Massa revoltante – Um movimento de vozes do Sul” em vários locais de São Paulo, com a participação de músicos, compositores e pesquisadores nacionais e internacionais. Ilu Oba de Min, Roberta Estrela D’Alva, Gaspar do Z’África Brasil, Giovani di Ganzá e coletivos culturais do Grajaú participam da programação. O Periferia em Movimento foi convidado a cobrir algumas das atividades. Ao longo da semana, acompanhe por aqui nosso registro.

Terreiro Urbano: neste espetáculo, os orixás tomam o palco

(Foto: Thiago Borges/Periferia em Movimento)

Inspirado na mitologia dos orixás, o espetáculo de dança do grupo Treme Terra chega a três teatros municipais em abril. Confira a programação.

Em Parelheiros: Terreiro de Candomblé faz festa para Exu

Erroneamente associado ao diabo do Cristianismo, no Candomblé ele é o transportador do axé. Festa acontece no sábado (28/03), no Asé Ylê do Hozoouane.