Por que o Movimento Cultural das Periferias rachou com a Secretaria de Cultura de São Paulo?

“A periferia não cabe no plano de ação da Secretaria Municipal de Cultura”.

Periferias convocam secretário municipal de Cultura para audiência pública

Nesta terça-feira (12/03), Movimento Cultural das Periferias realiza encontro com Alexandre Yousseff e apresenta demandas das quebradas

Nesta quarta: Construção coletiva de audiência pública da Cultura

Movimento Cultural das Periferias convoca agentes e coletivos culturais das quebradas pra construir audiência cidadã com Alexandre Youssef, novo secretário municipal responsável pela área

Encontro discute as demandas de agentes culturais das periferias

Nesta quinta-feira (30 de agosto), o Movimento Cultural das Periferias volta a reunir fazedores culturais de todas as pontas da cidade para um diagnóstico dos 13 encontros territoriais realizados ao longo do mês

Pra levantar demandas das quebradas, Movimento Cultural das Periferias realiza encontros territoriais

Ao longo do mês de agosto, agentes socioculturais se encontram em fóruns locais para definir prioridades das lutas e frentes de atuação. Nesta semana tem reuniões dia 08, no Grajaú e Jardim Ângela, e dia 10 em Parelheiros

Cultura estrangulada

Da falta de espaços culturais na quebrada à criminalização do funk, o poder público corta dinheiro da cultura e tira o direito de milhões de pessoas se expressarem ou consumirem arte

Cultura sob Dória e Sturm: foi rombo no orçamento ou congelamento da gestão?

2017 foi difícil para trabalhadores da cultura em São Paulo, com corte atrás de corte pela Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura de SP. Os motivos? Segundo a atual gestão, cortes seriam necessários perante um rombo nos cofres de São Paulo. A prefeitura congelou 47% do orçamento desde o início do ano, reduzido no segundo […]

“Não vão quebrar nossa cara”: 30 horas de uma ocupação histórica pela cultura

Depois de quase socar trabalhador, André Sturm continua agarrado ao cargo de secretário municipal de Cultura. Ameaçados pela Prefeitura, quem ocupava Galeria Olido deixa o prédio de cabeça erguida ainda mais fortes

“Vou quebrar sua cara”, diz secretário de Cultura de Dória a agente cultural da Zona Leste

“O prefeito foi eleito e você não”. “Você é um chato”. “Cabô a molecagem”. Ouça os argumentos de André Sturm ao ser questionado sobre investimentos em Cultura na periferia da cidade de São Paulo

Descongela!: A resistência das quebradas ao “desmonte” da Cultura em SP

Reunidos no Galpão Cultural da Cia Humbalada de Teatro, no Grajaú, artistas de diferentes pontos da cidade analisaram o cenário atual

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: