Atividades celebram a luta diária da mulher periférica em Perus O Coletivo Mulherada de Perus reúne mais de 15 espaços de trocas e aprendizado entre mulheres da região noroeste de São Paulo

De 07 a 28 de março, o Coletivo Mulherada de Perus pretende reunir mulheres na região noroeste de São Paulo em 15 diferentes atividades.

O objetivo é evidenciar a importância da luta diária das mulheres que moram na periferia,  desde os cuidados com a casa, o enfrentamento ao machismo e ao racismo e a resistência em triplas jornadas que se mesclam entre estudo, trabalho e criação dos filhos.

A programação já começa nessa terça e quarta-feira com a FEIRA de artesanato do coletivo Mulheres Criativas, do Centro de Cidadania da Mulher (CCM) de Perus e no Calçadão da estação de trem da CPTM (saída sentido Av. Dr. Silvio de Campos).

No dia 25 de março, vai acontecer o GRANDE ATO com caminhada, com saída às 14h da Casa Hip Hop de Perus.

Durante o mês, acontecem rodas de conversa sobre a saúde da mulher, aulas de danças, feiras de artesanato, peças de teatro e oficinas de stencil e um encontro para falar sobre a mulher negra, seguida de oficina de uso do turbante. Confira a programação completa em:

https://www.facebook.com/events/1243205609065851/