Brasil tem xenofobia seletiva, relacionada ao racismo. E a mídia tem papel fundamental nisso

Brasil tem xenofobia seletiva, relacionada ao racismo. E a mídia tem papel fundamental nisso

Aline Rodrigues

Aline Rodrigues

Você já viu “gringo” sofrer algum tipo de discriminação no Brasil? E o que pensa quando ouve falar de imigrantes ou pessoas refugiadas?

Você já viu “gringo” sofrer algum tipo de discriminação no Brasil? Geralmente, essa pessoa gringa é relacionada com quem tem boas condições financeiras, em geral branca e oriunda do Norte global – Europa, Estados Unidos, Canadá ou Austrália.

Por outro lado, migrantes, imigrantes e pessoas em situação de refúgio deixam seus locais de origem por questões sociais, econômicas, políticas e ambientais: fugindo da fome, da crise, de perseguições e de guerras. Em geral, são pessoas migram das regiões Norte e Nordeste para o Sul e Sudeste brasileiros ou de países da América Latina e da África.

Em fevereiro deste ano, a Periferia em Movimento realizou mais uma transmissão dentro da série Linguagens Opressoras. E dessa vez, o tema foi “comportamentos xenofóbicos”, que discutiu inclusive o papel da mídia para reforçar ou desconstruir essas posturas com a participação da jornalista recifense Lenne Ferreira; e do padre missionário Paolo Parise, que coordena a Missão Paz, organização que acolhe imigrantes em São Paulo.

Você pode conferir os principais pontos desse debate por meio do podcast abaixo.

Apresentação: Aline Rodrigues e Fernanda Souza. Produção: Letícia Padilha e Paula Sant’Ana. Edição de texto: Thiago Borges. Edição de áudio: Paulo Cruz. Design: Rafael Cristiano.

 

 

Colaboração

, , , ,

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Comente usando o facebook

Nosso manifesto:

Nossas redes sociais:

Notícias recentes:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Confira também

Posts relacionados:

Apoie!
Skip to content