Trânsito musical para além da Anitta: Selecionamos 6 lançamentos recentes pra você conferir

Trânsito musical para além da Anitta: Selecionamos 6 lançamentos recentes pra você conferir

Camila Lima

Camila Lima

Anitta alcançou o topo das paradas com "Envolver". E a gente aproveita a onda pra indicar mais 6 artistas com lançamentos recentes

Edição: Thiago Borges / Foto em destaque: Aiace (crédito Vini Ribeiro)

Com mais de 4 milhões de ouvintes da sua música “Envolver” na plataforma de áudio Spotify, a Anitta alcançou nesta sexta-feira (25/3) uma marca inédita pra nossa cultura: é a primeira cantora solo brasileira a ocupar a primeira posição entre as mais tocadas no mundo.

E a Periferia em Movimento aproveita a onda pra indicar outros lançamentos musicais recentes pra você adicionar e renovar playlist, com um catadão de músicas e videoclipes de artistas de diferentes partes do País. Confira abaixo:

Da Bahia para todo o Brasil

Com inspiração vinda da mistura das raízes ancestrais afrobaianas até o jazz, pop, rock e música popular brasileira, a cantora  baiana Aiace apresenta uma nova versão para a canção “Se você se for”, originalmente gravada por Timbalada. O projeto, que ganha uma nova roupagem produzida pela própria artista em parceria com Paulo Mutti, antecipa o segundo disco solo dela, previsto para maio de 2022.

Aiace faz parte da nova geração de cantoras baianas e também integra o grupo musical Sertanília. Solo, ela apresenta uma linguagem contemporânea em suas músicas, canta sobre temas que são atemporais, levando o ouvinte a um lugar cheio de nuances e texturas que dialogam com as referências musicais mais diversas, vestidas pela doçura e expressividade da sua voz.

 

Brega e bregafunk

Ainda no caldeirão de possibilidades de produções nordestinas, temos o som da cantora pernambucana Uana Mahin, que começou um novo capítulo de sua carreira com a estreia em todas as plataformas de seu novo o single “Sonhei com você”.

O som flerta com o brega e bregafunk – ritmo aclamado e bastante reproduzido no seu estado de origem -, com influências contemporâneas, beats mais eletrônicos e elementos do funk carioca.

“Sonhei com você” narra um sonho confuso da autora com um ex-amor enquanto acaba acordando ao lado de outro. A nova música faz parte do EP Vidro Fumê, que sai com incentivo da Lei Aldir Blanc.

 

Grito Feminista

Com tom irreverente e vibrante, Ananda Barreto apresenta  videoclipe de “Sereu”, single que esquenta para a estreia do próximo álbum da artista ‘Olho de Dentro’, e reflete sobre o lugar da mulher, suas lutas e importância de aceitar quem realmente se é.

Neste trabalho, a cantora encontra uma maneira despojada, dançante e perfomática para falar sobre a autoestima, questionamentos do lugar da mulher, suas lutas internas e os diálogos consigo mesma, com o mundo e esse tal rompimento com as cobranças da sociedade.

Além disso, Ananda reverencia a cultura do seu estado, Sergipe, trazendo uma citação do folguedo popular do Guerreiro em um trecho da canção. E coloca com protagonista do projeto a comunidade LGBTQIA+.

 

Na vibe das estreias

Ainda seguindo as estreias no youtube, temos a cantora Rosana Puccia com seu clipe “Outro Mundo”, faixa-título de seu atual EP.A música é um tango-jazz cantado em tom voyeurístico e que narra cenas de noitadas impróprias para menores.

No vídeo, a sensualidade vai se tornando uma alucinação, interpretada por Rosana, que encarna uma persona da noite, dos drinks, dos “experienciados, como Jimi Hendrix”.

 

 

Dos sons das Divas ao som dos Reis…

…trazemos o trabalho de Black Alien. Em seu novo videoclipe “Pique Peaky Blinders”, a mensagem tem versos ácidos e o flow afiado. Com fotografia sanguinária, a obra é dirigida por Premier King, que se inspirou em nomes como Sam Peckinpah e Quentin Tarantino, no estilo Blaxploitation.

Como trilha para esse massacre, Black surfa no flow do rap com um tempero jamaicano para mandar seu recado.

 

Para fechar a lista de indicações 

Tigone que lança no youtube da Graja Groove, que é um coletivo audiovisual localizado na região do Grajaú (Extremo Sul de São Paulo), a música “Linda” na versão remix.

Com uma mistura de trap e eletrônico, que teve como beatmaker o trabalho de Pelvictunes, a letra apresenta uma exaltação da mulher preta.

 

Colaboração

,

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Comente usando o facebook

Nosso manifesto:

Nossas redes sociais:

Notícias recentes:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Confira também

Posts relacionados:

Apoie!
Skip to content