Eleições 2022 têm recorde de candidaturas negras, indígenas e de mulheres

Eleições 2022 têm recorde de candidaturas negras, indígenas e de mulheres

No primeiro episódio do zapcast Eleições sem Neurose, explicamos os cargos que estão em disputa e quem tá na corrida eleitoral. Ouça

Compartilhe!

Apresentação e reportagem: Gisele Brito. Roteiro e edição de áudio: Paulo Cruz. Revisão de roteiro: Thiago Borges. Distribuição: Venuz Capel. Design: Rafael Cristiano

Começou! Com pesquisas, alianças e motociatas a todo o vapor, parece até que a campanha eleitoral tá acontecendo faz tempo, mas na verdade o início oficial foi na última terça-feira (16/8). A partir dessa data, as candidaturas têm permissão para fazer campanha e pedir voto em qualquer meio de comunicação, inclusive na internet.

E por aqui, a Periferia em Movimento inicia a cobertura jornalística de quebrada pautando interesses da nossa população. Para começo de conversa, apresentamos o Eleições sem Neurose, uma série de podcasts enviados principalmente pelo whatsapp (acesse aqui e mande um salve para o número 11 957816636 para receber os conteúdos) para contextualizar o pleito deste ano, tirar dúvidas e desmentir fake news.

No primeiro episódio, explicamos como será a votação deste ano, quais cargos estão em disputa e quem tá na corrida eleitoral. Ouça abaixo:

Em 2022, vamos votar para eleger deputadas, deputados e deputades estaduais e federais. Também vamos eleger pessoas para o Senado, para os governos estaduais e para a presidência da República. A votação vai acontecer no dia 2 de outubro. E se houver segundo turno para a escolha de governos estaduais e da presidência da República, ela vai acontecer no dia 30 de outubro.

Neste ano, 156 milhões de pessoas em todo o Brasil estão com o título regularizado pra votar. E as urnas eletrônicas vão ter nome e fotografia de 12 candidaturas para a Presidência da República, 223 chapas que vão tentar ganhar para governos estaduais e outras 234 para o Senado. E mais de 27 mil pessoas vão tentar uma vaga de deputado federal, estadual ou distrital.

Só no Estado de São Paulo, são 10 candidaturas para o governo estadual, 11 para o Senado e mais de 3.500 para ocupar a assembleia legislativa.

Em 2022, 48% das candidaturas em todo o Brasil são de pessoas brancas, 35% de pessoas pardas e menos de 15% são de pessoas pretas.  É a primeira eleição geral em que há mais pessoas negras (49,6%) que brancas se candidatando, e são maioria em 18 dos 32 partidos. O número de indígenas também é recorde: são 175 candidaturas. E as mulheres representam um terço de todas as candidaturas.

Eleições sem Neurose é uma produção independente da Periferia em Movimento. A gente não tem patrocínio e faz tudo com recursos próprios. Se você quiser e puder nos apoiar, faça um pix para a chave (telefone) 11 957816636

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe:

Compartilhe:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Comente usando o facebook

Compartilhe:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Comente usando o facebook

Nosso manifesto:

Nossas redes sociais:

Notícias recentes:

Confira também

Posts relacionados

Apoie!
Pular para o conteúdo