Educadores das Fábricas de Cultura lançam moção de repúdio à Poiesis

Trabalhadores acusam organização social de violência contra aprendizes, perseguição política a funcionários e sucateamento das unidades. Mais de 600 assinaturas já foram coletadas. Saiba como assinar.

Após repressão, aprendizes e educadores trocam ideia com comunidade na Fábrica de Cultura do Capão

Molecada quer definir próximas ações e fortalecer a rede de proteção da ocupação que já resiste há 41 dias. Papo rola quarta (dia 06).

Ocupação, greve e repressão: as Fábricas de Cultura estão fervendo

Contra o sucateamento de equipamentos culturais nas quebradas, aprendizes ocupam e os educadores fazem greve. A Poiesis, que recebe dinheiro do Governo de Geraldo Alckmin, reprime a molecada enquanto persegue e demite trabalhadores

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: