“Cidade Linda pra quem?”: coletivo de grafiteiros questiona ações da gestão Doria Formado por artistas e agentes marginais do Extremo Sul de São Paulo, o coletivo Imargem aponta para a falta de diálogo por parte dos novos inquilinos da Prefeitura e o cenário de repressão que se desenha no horizonte

Formado por artistas e agentes marginais do Extremo Sul de São Paulo, o coletivo Imargem aponta para a falta de diálogo por parte dos novos inquilinos da Prefeitura e o cenário de repressão que se desenha no horizonte

Niggaz da Hora: exposição estreia no bairro natal de lenda do graffiti Morador do Grajaú, Niggaz foi um percursor do graffiti, sendo o primeiro grafiteiro a cruzar a fronteira entre periferia e centro de São Paulo e tornando-se um dos ícones do muralismo na cidade

Foto Henrique Madeira

Morador do Grajaú, Niggaz foi um percursor do graffiti, sendo o primeiro grafiteiro a cruzar a fronteira entre periferia e centro de São Paulo e tornando-se um dos ícones do muralismo na cidade

Niggaz da Hora: livro retrata lenda do graffiti Morador do Grajaú, no Extremo Sul de São Paulo, Niggaz foi um percursor do graffiti, sendo o primeiro grafiteiro a cruzar a fronteira entre periferia e centro de São Paulo. Ele morreu em maio de 2003, nas águas da represa Billings

Morador do Grajaú, no Extremo Sul de São Paulo, Niggaz foi um percursor do graffiti, sendo o primeiro grafiteiro a cruzar a fronteira entre periferia e centro de São Paulo. Ele morreu em maio de 2003, nas águas da represa Billings