Banda Nhocuné Soul celebra a negritude

por Carolina Piai, da Revista Vaidapé “Hoje é um dia especial”. Dizendo essas palavras, Renato Gama deu início ao show do Nhocuné Soul, na última sexta (29), no Centro Cultural São Paulo. A atividade fez parte do IV Encontro Estéticas das Periferias. No decorrer da noite, o público, por vezes, se emocionou. Não é por menos:Continue lendo Banda Nhocuné Soul celebra a negritude