EDITORIAL: Nem dia 16, nem dia 20. Por quem nossas panelas batem

Ilustração: Tom Bojarczuk

Em semana de manifestações contra e pró-governo Dilma, a gente decidiu ficar em casa. Nossas panelas batem pelas vítimas e familiares da marcha genocida

Editorial: Por que ficamos em casa no dia 15 de março

Cientes de que nossa luta não cabe nas urnas e que a emancipação popular deve ser construída diariamente, olho no olho, pelo próprio povo, nós passamos o domingo recolhidos.