Editoras periféricas botam na rua livros e sonhos de quem escreve na quebrada

O mercado editorial nas periferias faz parte de um movimento maior de fortalecimento de um circuito literário próprio

Perrengues, aprendizados e conquistas de quem empreende na quebrada

Conheça as histórias dos Pastéis da Val, da grife V.O.S. Estilo de Rua e da editora e livraria Filoczar

CAIU TUDO POR AÍ?

Siga a gente no Twitter!

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: