#QueroViver: “A galera que nasce na periferia não vê uma porta” Moradora da Bomba, periferia do Recife, Priscilla Melo vê como reflexo dessa estrutura uma juventude sem perspectiva de futuro

Moradora da Bomba, periferia do Recife, Priscilla Melo vê como reflexo dessa estrutura uma juventude sem perspectiva de futuro