#OcupaEstudantes: Mini-Utopia

Por Luiz Phelipe Maia

Ocupo escolas, desocupando presídios
Nossa escola não educa, nossa escola é um hospício
Me falam de meritocracia como se eu não me esforçasse
Quem me dera se a diretora soubesse o que eu passase
Ei! diretora! Você perdeu seu bônus
Ocupamos sua escola com a galera fazendo combo
Não vai ter SARESP, Não vai ter ETEC
Não vai ser a polícia que vai parar os muleke
Que venha o natal, que chegue o ano novo
Quero um futuro pra favela, quero educação pro meu povo
Preto ou pobre tanto faz pra sociedade
Sem educação eles querem a redução da maioridade
Minha mini utopia hoje é a escola
Com música e poesia de hora em hora
“A escola está fechada!” É o que diz a reaçada
Pelo contrário paneleiro! Ela tá é ocupada
Ocupada com o esporte!
Ocupada de cultura!
Ocupada de idéias!
Que querem romper com essa ditadura
Eles dizem “bolsomito” e proclamam “Ó Pátria Amada”
Mas querem vender meu país
A preço de marmelada
A mídia se vendeu, o planalto tá corrompido
Me vejo numa cerca e o povo tá perdido
Mas tenho esperança e acredito na juventude
Pra mudar esse país é necessário atitude

*Luiz Phelipe Maia é estudante da EE Professora Maria Petronila, escola ocupada em Santo Amaro, Zona Sul de São Paulo

Grande ato em apoio à luta dos estudantes

O Comando das Escolas Ocupadas, que reúne representantes das centenas de escolas tomadas por estudantes no Estado de São Paulo, convoca um grande ato em apoio à luta secundarista contra a reorganização escolar. O ato acontece exatamente um mês após a primeira escola ser ocupada: é nesta quarta-feira (09/12), a partir das 17h, com concentração no MASP – Avenida Paulista, centro de São Paulo. Mais informações aqui.