As bibliotecas das Fábricas de Cultura (equipamentos públicos culturais das zonas Norte e Sul de São Paulo, além da unidade de Diadema), programam uma agenda on-line e integrada.

Os destaques de julho são atividades voltadas à literatura e brincadeiras, todas com exibição pelo YouTube (clique aqui pra assistir). A programação é gratuita e não é necessário fazer inscrição prévia.

Literatura

Em 8 de julho, quarta-feira, entre 15h e 16h, ocorrem cinco vídeo-aulas focadas na Introdução à escrita quântica, com o educador Michel Yakini. O estudo relaciona a escrita criativa com o autoconhecimento e busca aplicar exercícios teóricos e práticos com base em quatro estágios: dedicação; relaxamento, intuição e criação.

A Batalha da Matrix, grupo de MCs do ABC paulista, apresenta a Batalha Lírica no dia 15 de julho, quarta, a partir das 15h. Como o próprio nome da atividade demonstra, trata-se de uma batalha temática e performática. Por vídeo, quatro MCs convidados a duelar serão avaliados nos quesitos lírica, interpretação, conhecimento sobre o tema, criatividade e demais técnicas do Rap. Os MCs terão até dois minutos para preparar uma composição e improvisação sobre um tema e três jurados irão avaliar.

Na sessão Dicas de leitura, o educador Keidson Oliveira traz a HQ (História em Quadrinhos) “Cumbe”, do autor e historiador Marcelo D’Salete. No dia 28 de julho, terça-feira, das 15h às 16h, o bate-papo se volta para a narrativa que resgata a história de luta de negros escravizados no período colonial do Brasil. D’Salete é professor, ilustrador e mestre em História da Arte. “Cumbe” (2014) foi publicado em diversos países, com França, Áustria, Portugal e Espanha, além do autor ter ganhado com essa obra o prêmio Eisner, considerado o Oscar dos quadrinhos.

Brincadeiras

Em Construindo Jogo de Dama, as pessoas aprenderão a criar o próprio jogo a partir de materiais como papelão, canetas, tesoura e régua. A atividade mostra como suportes encontrados em casa podem ajudar no exercício da criatividade. O encontro virtual ocorre no dia 10 de julho, sexta-feira, das 11h às 12h.

Já pela Oficina de Geotintas, os participantes aprenderão a fazer tinta natural que tem a terra como principal matéria-prima, tornando-se um material viável para pintura de casas e de trabalhos artísticos. Essa forma ecológica de colorir será no dia 21 de julho, terça-feira, às 11h.

Completando a parte lúdica da programação, a atividade Brincando em projeções tem a proposta de demonstrar, passo a passo, como fazer uma sequência de projeções com materiais recicláveis. Ativando a criatividade, o objetivo é criar histórias e projetá-las com o uso de objetos montados com materiais como copo descartável, EVA, papel, canetinhas e fita adesiva. O encontro será no dia 23 de julho, quinta-feira, das 11h às 12h.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ALERTA! Coronavírus e as quebradas

Confira nossa cobertura

Apoie nossa cobertura jornalística

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: