A produtora cultural Pauliana Moreira, de 22 anos, viajou pela América do Sul e se encantou com as manifestações culturais dos países vizinhos. E desse encanto, surge a primeira edição do Festival Pangeia, que desde o dia 18 de outubro destaca as culturas sul-americanas com uma série de atividades no Centro Cultural Grajaú, Extremo Sul de São Paulo.

Com apresentações de dança, música, DJs, feira de gastronomia e artesanato, exposição de arte, sarau, exibição de documentário, oficinas e workshops, entre outras, o Festival reúne artistas brasileiros e imigrantes de outros cinco países – Argentina, Bolívia, Chile, Peru e Paraguai – e que influenciam a cultura popular brasileira.

O encontro faz uma referência à primeira formação do Planeta Terra, quando não havia a divisão entre continentes como conhecemos atualmente, e a ideia de realizá-lo já é discutida desde 2015 pelo coletivo Misturarte, do qual também fazem parte Thamara Lage e Renata Rodrigues.

O Festival Pangeia segue com a realização de um sarau nesta terça-feira (25 de outubro), às 18h, no Calçadão Cultural do Grajaú, e termina com a exibição de documentários e um bate papo com o coletivo Quebramundo na próxima segunda-feira (31), às 19h, no Centro Cultural Grajaú.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Participe da discussão

1 comentário

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

× Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: