Em sua segunda edição, a Feira de Arte Lésbica da Zona Sul acontece neste domingo (26 de agosto) no Bloco do Beco (região do Jardim São Luís) com debates, apresentações artísticas e comercialização de comidas, bebidas e itens produzidos por expositoras. O evento é exclusivo para mulheres e é realizado pela La Fancha Casa Restaurante, Coletivo Perifraseando e Centro de Cidadania LGBT Edson Neris.

Entre as atividades, acontece um bate-papo sobre a produção de artistas lésbicas com Mariana Pacor, que tem uma pesquisa acadêmica sobre os movimentos de arte feminista onde serão analisadas manifestações artísticas da segunda metade do século XX no Brasil e Estados Unidos; a escritora mineira Cidinha da Silva, que já publicou 13 livros, entre eles “Os Nove Pentes d’África” (2009); “Parem de nos matar!” (2016) e “O Homem Azul do Deserto” (2018); e Nene Surreal, artista plástica, mulher preta, lésbica periférica que falará de seu trabalho como grafiteira.

A programação já está completa e inclui nas performances artísticas Amanda Lapido (dança), MC Gabi Nyarai (apresentação musical), Daiane Cristina e Larissa Gonçalves (poesias) e Mulheres no Fronte (apresentação do grupo de mulheres da Escola Livre de Teatro). Para fechar o evento, vai rolar uma roda de samba aberta a todas.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: