Foto em destaque: Nois por Nois

Setembro é marcado como mês de prevenção ao suicídio, da comunidade surda e da visibilidade bissexual. E, neste ano de 2021, também tem no calendário uma programação voltada a quem deseja se qualificar para atuar profissionalmente na área ambiental ou aprimorar conhecimentos para negócios em redes sociais.

Por isso, a Periferia em Movimento selecionou 4 atividades gratuitas que acontecem nos próximos dias e semanas para acompanhar e ampliar os saberes em algumas dessas frentes. Confira abaixo!

Este conteúdo aplica Linguagem Neutra e impessoal. Saiba mais aqui!

Saúde mental

Elânia Francisca
Elânia Francisca

Todo 10 de setembro é marcado como Dia Mundial da Prevenção do Suicídio, que visa a conscientização sobre o assunto. Por isso, o projeto Território Samaúma convida Elânia Francisca para falar sobre saúde mental. Elânia é psicóloga, educadora em sexualidade e desenvolve trabalhos principalmente com adolescentes de quebrada.

A conversa ao vivo acontece na sexta-feira (10/9), às 19h, pelo facebook do projeto. Clique aqui para acompanhar.

Visibilidade bissexual

Setembro também é o mês da visibilidade bissexual. E, como parte da programação, a Fábrica de Cultura do Jaçanã apresenta uma atividade sobre a importância do jornal Lampião da Esquina. O periódico direcionado ao público LGBTQIA+ atuou e resistiu à censura da ditadura militar brasileira nas décadas de 1970 e 1980.

O bate-papo acontece na segunda-feira (13/9), às 15h, e pode ser acompanhado pelo YouTube. Não é necessária inscrição para assistir e interagir.

Economia periférica

Com objetivo de desenvolver a economia a partir do Extremo Sul de São Paulo, a Rede Nóis por Nóis lança o LAB NPN – Laboratório de Inovação em Economia Periférica. O projeto visa oferecer formações contínuas relacionadas ao empreendedorismo na periferia.

Voltadas à criação de conteúdo para redes sociais, as primeiras oficinas acontecem neste mês de setembro. Como as atividades serão presenciais no NPN Graja Hub (Rua Populina, 30 – Grajaú – SP), o projeto reserva apenas 10 vagas para cada oficina, com preferência para público negro, LGBTQIA+ e formado por mulheres. As inscrições vão até esta sexta-feira (10/9) pelo formulário on-line. Clique aqui.

Em 2 oficinas a serem realizadas nos dias 22 e 23 de setembro (quarta e quinta-feiras), o fotógrafo Vinicius Marques pretende abordar a fotografia para redes sociais com enfoque em empreendimentos gastronômicos e marcas de moda e acessórios.

Já a segunda atividade propõe a confecção de colagens para redes sociais. A oficina será mediada por Lariê Avelar, que é arte educadora, brincante de maracatu e produtora cultural. O encontro ocorre em um sábado (dia 25/9), das 14h às 16h.

Qualificação profissional

Com objetivo de promover o desenvolvimento social, profissional e sustentável em comunidades de baixa renda de São Paulo, a Fundação Paulistana (vinculada à Prefeitura) lança o projeto EcoA Sampa. Executado pela Associação ProBrasil, o projeto será executado em Parelheiros (Extremo Sul) e pretende capacitar mais de 350 pessoas até dezembro.

O curso prevê qualificação em Permacultura, Produção de alimentos agroecológicos, Zeladoria e manejo de áreas verdes, Empreendimentos sustentáveis e negócios verdes e oficina de Manejo de recursos naturais voltados ao Ecoturismo. As vagas destinam-se a pessoas jovens e adultas que não tiveram acesso a cursos técnicos e profissionalizantes. A carga horária de cada oficina/curso varia entre 25 e 72 horas.

Para participar, a pessoa interessada deve se candidatar via formulário on-line (clique aqui) e pelo telefone (11) 958090241 (WhatsApp), informando o número do RG e CPF. Mais informações por e-mail [email protected]

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ALERTA! Coronavírus e as quebradas

Confira nossa cobertura

Apoie nossa cobertura jornalística

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: