Neste sábado (13/11), a partir das 14h, o Coletivo Noroest realiza o primeiro evento da temporada do projeto “Quebrada Viva”. Feito em parceria com o coletivo FT Collors, o grupo promove um dia com atividades gratuitas dedicadas à cultura hip hop. O evento será realizado na praça Padre João Bosco Penido Burnier, 740, que fica no Jardim Julieta, Vila Medeiros (zona Norte da cidade de São Paulo).

“Acreditamos que através do hip hop é possível conscientizar, humanizar e trocar aprendizados com as pessoas, potencializando valores sociais e refinando intelectualmente o indivíduo, por se tratar de uma arte genuína, fonte de produção de novos saberes e novas maneiras de olhar para o mundo vigente”, comenta o coletivo, que atua desde 2015 na região Noroeste paulistana.

As batalhas de breaking, tradicionais disputas de dança onde cada participante defende seu estilo, contam com a participação de Yago – Street Son como jurado, DJ Insano na discotecagem e uma premiação em dinheiro no valor de R$ 300, além de um troféu.

A programação conta ainda com graffiti da artista Chica Loka, desfile da AFROPERIFA, entre outras ações. O objetivo é fomentar e dar visibilidade para novas produções artísticas. Também acontecem uma vivência prática de breaking e rodas de conversa sobre art, cultura e política; empoderamento feminino; e hip hop nas escolas.

Visando incentivar o hábito da leitura, o evento também dispõe de uma biblioteca temática com oferta de livros e outros materiais didáticos voltados à cultura hip hop. Entre as obras disponíveis, estão “O grito do hip-hop”, “A quebrada em quadrinhos”, “Nelson Triunfo, do sertão ao Hip-hop”, “Mulher de Palavra: Um retrato de mulheres no Rap de São Paulo”, ”A pedagogia hip-hop: Consciência, resistência e saberes em luta”, “Batidas, rimas e vida escolas” e “Genealogia hip-hop”.

Além deste evento, serão realizados mais 3 atividades em outras regiões periféricas de São Paulo. Dia 27 de novembro, o evento será realizado na zona Leste em parceria com o Sarau da Tripa; no dia 04 de dezembro, em Caieiras, em parceria com o Coletivo Prelúdio; e no dia 18 de dezembro na Casa do Hip-Hop de Perus.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CAIU TUDO POR AÍ?

Siga a gente no Twitter!

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: