Como a Reforma da Previdência afeta quem vive nas periferias?

Idade mínima de 62 a 65 anos para se aposentar, contribuição por 40 anos para receber 100% do valor… Se você mora em uma periferia de São Paulo, vai conseguir sobreviver até a aposentadoria nas regras propostas por Bolsonaro?

Primeira Festa Literária do Grajaú celebra caldeirão cultural do Extremo Sul

Entre os dias 19 e 23 de março, uma série de atividades artísticas e culturais movimenta os cinco CEUs (Centros Educacionais Unificados) da região Extremo Sul de São Paulo, além do Centro Cultural Grajaú.

#Matriarcas: Mulheres que cavaram os alicerces para a luta nas quebradas

Adélia Prates, fundadora e primeira presidenta da Associação de Mulheres do Grajaú, é a primeira entrevistada desta série de reportagens

Jardim da União: a instabilidade é a única certeza

Com reabertura de processo judicial pela CDHU, quase 600 famílias podem ser despejadas de terreno que já é destinado a habitação popular no Extremo Sul de São Paulo

Aeroporto de Parelheiros pra quem?

Travada desde 2014 por contrariar o Plano Diretor Estratégico, após uma decisão judicial favorável publicada no início deste ano a proposta de construção de um Aeroporto de Parelheiros para jatinhos executivos obteve a certidão de uso e ocupação do solo da Prefeitura de São Paulo. A falta dessa certidão era o único impedimento para buscar […]

Um ano sem Marielle

Nesta quinta-feira (14 de março), completa-se um ano do assassinato de Marielle Franco, então vereadora pelo PSOL no Rio de Janeiro. E em busca de justiça para o caso, atos acontecem em todo o País.

8 de março: As estatísticas pedem luta

Em parceria com A Bordar Espaço Terapêutico No Brasil, a taxa de feminicídio é de 4,8 para 100 mil mulheres – a quinta maior no mundo, segundo dados Organização Mundial da Saúde (OMS). Localizado no Extremo Sul da capital paulista, o Grajaú é o 2° distrito que mais recebe denúncias de violências contra a mulher, […]

Grajaú: 60 famílias são removidas de moradias embaixo de torre de transmissão

Terreno privado tem alto risco à segurança das pessoas. Despejo rolou na semana passada, mas nenhum órgão público deu assistência a moradores. Quem ficou sem teto, contou apenas com caminhão de mudança. Moradores que perderam apenas parte da casa tentam reconstruir os lares

Previdência: greve de funcionários públicos e ato pressionam Reforma

Servidores municipais de São Paulo seguem paralisados e se juntam a ato nacional contra proposta de Jair Bolsonaro

#Sextou: Embaixo de chuva, servidores em greve emparedam Covas

Greve de funcionários públicos da cidade de São Paulo contra a Reforma da Previdência Municipal segue pelo menos até terça-feira (19/02)

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: