Quebra das Ideias: Como sair da política de morte para uma política de vida?

Neste dia da Consciência Negra (20/11), relembramos o tema da segunda edição do programa Quebra das Ideias, em que a Periferia em Movimento abordou a “necropolítica” – quando governantes adotam como prática de Estado matar diretamente ou deixar morrer grupos considerados “indesejáveis”: o povo negro, os povos indígenas, das periferias, a população LGBT.

Marchas por direitos e eventos culturais marcam semana da Consciência Negra

Nos dias 20 e 24 acontecem manifestações. Confira!

Dia de Finados: Por quem choramos?

Localizado na Zona Sul de São Paulo, o Cemitério São Luiz ficou marcado como destino de milhares pessoas que morreram vítimas da violência e violação de direitos na região, principalmente nos anos 1990. O que mudou desde então?

Contra Bolsonaro e Sérgio Moro, movimento negro brasileiro vai à Jamaica. Saiba por quê

Organizações do movimento negro brasileiro participam nesta quinta-feira (09 de maio) de uma audiência com a Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH)

É normal sofrer na hora do parto?

Parir também é um ato político: Um papo necessário entre mulheres da periferia sobre violência no parto, parto humanizado e a importância da informação adequada para nós, mulheres das quebradas

#Memória2016: Uma década depois dos Crimes de Maio, o Estado segue deixando mães sem filhos

Ítalo ou Matheus. 10 ou 24 anos. No Morumbi, no Grajaú, na Favela Sucupira, na Zona Leste… Com golpe ou sem golpe para trocar os comandantes no andar de cima, o genocídio do povo negro continua

Tribunal Popular: povo julga Estado por genocídio

Moradores da Zona Sul de São Paulo colocam o Estado no banco dos réus para julgá-lo pelo genocídio negro, dos povos indígenas, pobres e periféricos

#BlackBraziliansMatter: Após ocupação da SSP, movimentos fazem novo ato contra genocídio

Encontro marca lançamento de livro sobre as Mães de Maio e campanha internacional #BlackBraziliansMatter. Grupos caminha até a Secretaria de Segurança Pública, ocupada semana passada contra a execução de cinco jovens na ZL

Manifestantes ocupam SSP, secretário foge e grupos prometem novo ato contra genocídio

Durante ato em homenagem a cinco jovens negros assassinados na Zona Leste, movimentos ocuparam saguão da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo e exigiram presença do secretário, que deu no pé com escolta policial

Dandaras e Zumbis do Grajaú: lutas históricas permanecem urgentes na quebrada

Espetáculo da Cia Humbalada de Teatro​ com outros grupos e artistas da região aborda questões de raça, classe e gênero no território. Confira vídeo, fotos e relato sobre a peça

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: