Entre os dias 19 e 23 de março, uma série de atividades artísticas e culturais movimenta os cinco CEUs (Centros Educacionais Unificados) da região Extremo Sul de São Paulo, além do Centro Cultural Grajaú.

Nesse período, acontece a primeira Festa Literária do Grajaú (FLIG), promovida pelas equipes desses espaços, das bibliotecas, saraus e agentes culturais da quebrada. Clique aqui e saiba mais.

Assim foi a primeira edição do Sarau da Cultura Grajauense. Foto: Reprodução.

Programação diversificada

Com mesas de debate, rodas de conversa com escritores, oficinas, exposições e contação de histórias, o evento chega ao último dia com shows de artistas locais e convidados, como Luiz Semblantes, Nayra Lays, Yara Barros e Sambadas, por exemplo.

Nessa primeira edição, a homenageada é Adélia Prates. Moradora do Grajaú há mais de 40 anos, Adélia articulou e participou de mobilizações por direitos na região – do pão às escolas –, e foi uma das fundadoras e primeira presidenta da Associação de Mulheres do Grajaú. Ela também é personagem do primeiro episódio da série de reportagens “Matriarcas”, da Periferia em Movimento.

Para custear transporte e alimentação, os organizadores fazem uma vaquinha pela internet para arrecadar R$ 5 mil. Contribua aqui.

Confira a programação completa

Na terça-feira (19/03)

Onde: No CEU Navegantes – Rua Maria Moassab Babour, sem número – Cantinho do Céu – Grajaú

11h às 12h30 – Contação de histórias: Histórias do baú, com Roberto Barros

15h às 15h45 – Encontro com autor: Livro A horta do Vovô Manduca, com Débora Rubin

16h às 17h30 – Mesa de debate: Saraus como ação de fomento à literatura periférica, com Casulo (Sarau Clamarte), Edilene Santos (Sarau do Grajaú) e Joziane Soares (Sarauê). Mediação de Ronaldo Mota Vieira

19h – Show de abertura: Verso Acústico

19h30 – Abertura oficial e leitura poética em homenagem a Adélia Prates

20h – Show com Denise Alves

Na quarta-feira (20/03)

Onde? No CEU Vila Rubi – Rua Domingos Tarroso, 101 – Vila Rubi

09h – Encontro das turmas de 8º e 9º anos do Ensino Fundamental com a autora Michele Santos

11h – Papinho das turmas da EMEI com a autora Lucimeire Juventino

14h às 15h30 – Mesa de debate: A literatura negra, identidades em diálogo, com os escritores Akins Kintê, Elizandra Souza, Elânia Francisca e Tula Pilar. Mediação de Gabriel Messias

15h30 – Oficinas de biblioterapia (com Flavia Hessel e Sônia Oliveira) e amarração em turbantes (com Lucimeire Juventino)

Onde? No CEU Parelheiros – Rua José Pedro de Borba, 20

14h – Contação de histórias: Histórias do baú, com Roberto Barros

18h30 – Sarau “Mais amor, por favor”, com alunos da ETEC e Comunidade em geral

Onde? No Centro Cultural Grajaú – Rua Professor Oscar Barreto Filho – Parque América

19h30 – Sarau Sobrenome Liberdade e Sarau do Grajaú

(Foto: Divulgação/ Sarau do Grajaú)
Edilene Santos, uma das organizadoras do Sarau do Grajaú

Na quinta-feira (21/03)

Onde? No CEU Cidade Dutra – Avenida Interlagos, 7350

08h às 17h – Exposição fotográfica “Essas Mulheres Maravilhosas”, de Nalva Maria; e exposição “Uma questão de gênero”

08h30 – A curandeira em pele de foca, com Tininha Calazans

09h30 ao meio-dia– Sarau da Pessoa, com a mestre de cerimônias Cintia Mendes e participação dos autores Victhor Fabiano (Bom dia, Ditador), Audrey Ribeiro (Adélia Prates), Celso de Campos Jr. (100 Sena), Joeli Monteiro, coral do Projeto Guri e microfone aberto

14h às 15h30 – Mesa de debate: Mulher, brasileira, periférica: formas de (r) existir, com Cris Moreira e Kamila Moreno (Coletivo Nísia Floresta), Jéssica Angelin (Coletivo Sarau das Mina) e Barbara Esmenia. Mediação de Renata Gibelli

15h30 às 17h – Oficina: Mulheres empoderadas escrevem melhor (homens podem participar), com Bruna Escaleira e Mariana Brecht

17h às 18h30 – Sarau Quinta em Movimento

Onde? No CEU Parelheiros – Rua José Pedro de Borba, 20

10h – Sarau “Mais amor, por favor”

Na sexta-feira (22/03)

Onde? No CEU Três Lagos – Rua Maria Moura da Conceição – Jardim Belcito

09h às 10h40 – Mesa de debate: A arte como terapia, com Geruza Zelnys, Danilo Pereira Leite (CAPS Saúde), Sônia Oliveira e Daniel da Conceição Santana (Coletivo MT). Mediação de Fábio Roberto Lucas (do CAPS Artes)

11h – Oficinas de escrita curativa (com Geruza Zelnys e Eduardo Guimarães), biblioterapia (com Sônia Oliveira e Flávia Hessel) e musicoterapia (com Coletivo MT), e vivência em teatro (com Danilo Pereira Leite)

14h – Encontro com o autor, com Jéssica Câmara Siqueira

19h – Sarau Clamarte e Sarau das Águas

Coletivo MT de musicoterapia marca presença com oficina na FLIG (foto: divulgação)

No sábado (23/03)

Onde? No CEU Vila Rubi – Rua Domingos Tarroso, 101

Shows de encerramento

11h – Dom Orione

11h55 – Zé Marcio

12h30 – Dan Silva

13h15 – Xemalami

13h55 – Yara Barros e Domingos Jr.

14h35 – Nayra Lays

15h15 – Peça de teatro: “Davis: a voz da Liberdade” com Grupo Artemanha

16h10 – Line Juliano

16h50 – Mano Moneys

17h30 – Luiz Semblantes

18h10 – Sambadas

Xemalami participa do encerramento da FLIG (Foto: Thiago Borges / Periferia em Movimento)

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: