Tem uma ideia ou algum projeto que melhora a qualidade de vida da população, em especial nas periferias urbanas?

Então, aproveite: dois editais estão com inscrições abertas para selecionar e fomentar iniciativas de impacto social e que gerem desenvolvimento e renda nas quebradas.

A Periferia em Movimento explica como participar. Confira:

Aceleração VAI TEC

Iniciativa da Agência São Paulo de Desenvolvimento (ADESAMPA), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho da Prefeitura de São Paulo, o Programa VAI TEC chega a sua quarta edição.

O programa vai selecionar e apoiar 24 negócios das periferias da capital paulista com recurso financeiro de R$ 33.100,00, além de capacitações, mentorias e acesso a rede de contatos.

O objetivo é fortalecer o ecossistema do empreendedorismo nas periferias de São Paulo auxiliando jovens a criar, desenvolver, validar e impulsionar empreendimentos inovadores e que utilizem tecnologia como parte essencial do modelo de negócio, promovendo o desenvolvimento local e a geração de emprego e renda.

A aceleração tem duração de 06 meses e os empreendedores selecionados serão capacitados em gestão, incluindo aspectos técnicos, jurídicos, mercadológicos e habilidades como testes de solução, pesquisas de mercado, gerenciamento de equipes, de canais de clientes, marketing e tecnologias. Os jovens contarão com assessorias de acordo com a necessidade do empreendimento, além de rede de contatos e acesso a eventos, conteúdos e recursos de parceiros do programa.

O que eu preciso saber para participar do VAI TEC?
  • Meu negócio precisa ser inovador dentro de qualquer tema, ser viável técnica e economicamente e apresentar potencial para se desenvolver
  • Ser jovem com mais de 18 anos
  • Ter um projeto em regiões localizadas nos extremos da cidade, principalmente nas zonas Leste (São Miguel Paulista, Ermelino Matarazzo, Itaim Paulista, São Mateus, Guaianases, Cidade Tiradentes, Itaquera, Vila Prudente, Penha e Sapopemba), Sul (Parelheiros, Capela do Socorro, M´Boi Mirim,
  • Campo Limpo e Cidade Ademar ) e Norte (Casa Verde, Cachoeirinha, Freguesia do Ó, Brasilândia, Perus, Pirituba, Jaçanã e Tremembé).
  • Me inscrever até sábado (dia 06 de abril), neste link (www.adesampa.com.br/vaitec4 ).

Red Bull Amaphiko Academy

A Red Bull Amaphiko Academy é um programa de 18 meses que impulsiona pessoas com iniciativas, projetos e negócios de impacto social (como o Navegando nas Artes, de Franz Thomas, em destaque na foto acima).

O programa também chega à quarta edição – e, pela primeira vez, parte do processo de aceleração acontecerá no Grajaú, no Extremo Sul de São Paulo. O objetivo é apoiar empreendedores de qualquer parte do Brasil no desafio de gerar a transformação que buscam em suas comunidades e a desenhar formas dos projetos serem financeiramente sustentáveis.

O processo tem duração de 18 meses, entre julho de 2019 e dezembro de 2020, e inclui imersão de inspiração, mentoria com especialistas, consultoria em storytelling, exposição e acesso à rede de empreendedores da Red Bull. Não há investimento em dinheiro nas iniciativas selecionadas.

O que eu preciso saber para participar da Red Bull Ampahiko Academy?
  • Ter um projeto que usa moda, saúde, educação, esporte, cidades, tecnologia, mobilidade, artes, cultura, dança, música, resíduos, gênero, gastronomia, energia, finanças para solucionar desafios da sociedade
  • Me até 12 de abril pelo link (clique aqui).
Fotos: Felipe Gabriel e Fabio Piva / Red Bull Content Pool; Divulgação VAI TEC / ADESAMPA

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ajude-nos no Catarse Doe
Receba notícias no WhatsApp Notícias no WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: